Fiz depilação com luz pulsada, mas surgiram novos pelos. Fui enganada?

28/05/2015

Cada vez mais as mulheres do Rio de Janeiro têm procurado a ajuda de técnicas de depilação com luz pulsada para vencer sua batalha com os pelos em diferentes regiões do corpo. Muitas clínicas de estética fornecem esse tipo de tratamento como uma solução eterna para seus problemas com outras técnicas de depilação.

Entretanto, muitas mulheres cariocas têm observado que, depois de algum tempo, os pelos em algumas regiões do corpo podem voltar a nascer e a incomodar. Isso significa que a aplicação dessa técnica de depilação foi mal feita? Você foi enganada pela clínica de estética ou profissional que realizou esse tratamento na sua pele? Descubra um pouco mais sobre esse assunto no artigo de hoje!

Como funciona a depilação com luz pulsada

A depilação com luz pulsada é uma técnica que ajuda a remover os pelos corporais por meio do aquecimento da estrutura dos fios com o uso da luz pulsada, aplicada com a ajuda de um aparelho específico. Com o calor produzido pela máquina, a estrutura do pelo é destruída, impedindo que estes fios cresçam novamente.

O recomendado é que sejam aplicadas de 8 a 10 sessões, que podem variar de acordo com a tonalidade do pelo e da pele do paciente. A região que recebe o tratamento de depilação com luz pulsada pode ficar por até dois anos completamente livre de pelos no local onde foi aplicado procedimento.

Por que os pelos nascem novamente?

É simples entender por que os pelos voltam a crescer dentro de um intervalo de dois anos. A luz pulsada aplicada não é capaz de remover, completamente, todos os folículos que produzem pelos no nosso corpo, já que eles são muitos e nunca produzem fios do mesmo tamanho e ao mesmo tempo.

Além disso, nosso corpo sofre constantes mudanças ao longo da vida, produzindo novos folículos pilosos e, consequentemente, novos pelos. Por esses motivos, é natural que, eventualmente, alguns folículos mais “teimosos” voltem a produzir pelos que precisam ser removidos por meio da mesma técnica posteriormente. Cabe ressaltar que aqueles pelos que foram anteriormente tratados não voltam a crescer. O que ocorre é o surgimento de novos.

Por esse motivo as aplicações da luz pulsada para manutenção do resultado corporal são tão importantes.

Como fazer para ter os melhores resultados

Para poder obter o melhor resultado ao realizar uma rotina de aplicações de luz pulsada na sua pele para remoção dos pelos é preciso, primeiramente, procurar um profissional que seja especialista na aplicação dessa técnica na sua pele. Somente um bom profissional vai saber aplicar a luz pulsada da melhor maneira possível, valorizando suas características individuais.

É preciso entender também que cada paciente responde de maneira diferente ao estímulo desse feixe de luz nos folículos de pelo do corpo. Enquanto algumas pessoas poderão ter todos os pelos removidos em apenas cinco ou seis aplicações, outras podem precisar de mais de 10 sessões para obter melhores resultados.

A visita de manutenção da depilação com luz pulsada é essencial para qualquer paciente, para que sempre sejam removidos os pelos que podem renascer após o período de um ou dois anos após a primeira aplicação da técnica.

A intensidade da luz pulsada que será utilizada em cada paciente também é definido pelo profissional responsável, de acordo com uma avaliação clínica feita por ele.

Quais são os benefícios dessa prática?

A depilação com luz pulsada, mesmo que exija do paciente uma visita regular anual para manutenção dos resultados obtidos, pode ser muito benéfica para pessoas que sofrem com pelos encravados após a aplicação de outras técnicas de depilação não definitiva – como as realizadas com cera quente ou lâminas. Ela pode ajudar a reduzir os desconfortos causados por pelos fracos e que não conseguem romper a barreira da pele, resultando em dolorosos fios encravados.

A depilação com luz pulsada também é uma técnica que não oferece riscos a sua saúde, especialmente se realizada por um profissional que tem prática e atua nessa área de tratamento estético.

Se você realizou algumas sessões de depilação com luz pulsada, mas após algum tempo observou que novos pelos estão nascendo na região onde o tratamento de luz pulsada foi aplicado, não se preocupe! Isso não é sinal de que você foi enganada, mas sim que já é chegada a hora de fazer algumas novas sessões de manutenção nessa região do corpo!

Você ainda tem dúvidas sobre a depilação com luz pulsada? Compartilhe-as conosco nos comentários abaixo ou, se você tem fácil acesso à Zona Norte ou Sul do Rio de Janeiro, agende uma avaliação gratuita!

 

CTA-Texto---bemmais

 

 

 

WhatsApp chat